Rugby

De Porcopedia - A Enciclopedia do Palmeiras

Tabela de conteúdo

História

Time de Rugby do Palmeiras vice-campeão no Uruguai em 1981. Foto: Blog Rúgbi Brasil de Rugboy


A Sociedade Esportiva Palmeiras possuiu uma vitoriosa equipe de rúgbi (rugby) nos anos 80. Até então, nenhum clube brasileiro ligado ao futebol profissional havia apoiado a modalidade, cabendo ao Palmeiras esse pioneirismo.

Em 1980, a Sociedade Esportiva Palmeiras deu seu apoio ao time de rugby do Guarapiranga Golf & Country Club, que passou a treinar na sede de campo do Palmeiras no bairro. A equipe durou pouco, sendo extinta em 1983, porém marcou época.

O primeiro torneio disputado pelo time com a camisa do Palmeiras foi o Torneio Aberto Paulista de 1980 (o Campeonato Paulista), terminando em 5º lugar, com 4 vitórias e 6 derrotas. No mesmo ano, o Palmeiras disputou a Taça São Paulo de Rugby, sagrando-se vice-campeão, atrás apenas do São Paulo Athletic Club (SPAC), com 7 vitórias e 3 derrotas. A Taça São Paulo era o torneio disputado pelas equipes que não tinham se classificado para o Torneio Aberto Brasileiro (o Campeonato Brasileiro). No famoso Torneio de Sevens do SPAC, de Rúgbi de Sete, o Palmeiras chegou às semifinais com sua equipe principal, participando também com uma equipe B. No mesmo evento, o Palmeiras também participou com duas equipes do torneio juvenil e com uma equipe do torneio infanto-juvenil.

Em 1981, o Palmeiras abriu o ano participando da I Copa "Itaú" de Rugby, terminando em 3º lugar. Na sequeñcia, em abril, o Palmeiras foi vice-campeão do Torneio Internacional de Rugby de La Cachila, no Uruguai, perdendo apenas para o La Cachila, clube anfitrião. O Palmeiras participou novamente do Torneio Aberto Paulista e da Taça São Paulo, terminando em 4º lugar no Torneio Aberto Paulista, com 4 vitórias e 6 derrotas, e em 2º lugar na Taça São Paulo, com 7 vitórias e 3 derrotas. No Torneio Aberto Paulista de Aspirantes, o Palmeiras B terminou em 6º lugar. No Torneio de Sevens do SPAC, a equipe palmeirense adulta caiu nas quartas-de-final, perdendo para a Seleção Brasileira Juvenil. Já a equipe juvenil caiu na primeira rodada. A equipe juvenil do Palmeiras também disputou nesse ano o Campeonato Paulista Colegial, terminando em 4º lugar.

Em 1982, o rúgbi do Palmeiras conquistou seu primeiro título: a II Copa "Itaú" de Rugby, batendo nos tradicionais Bruder (atual Bandeirantes Rugby Clube), por 13 x 10, e no Alphaville (que seria o campeão brasileiro desse ano), por 15 x 13. Na sequência do ano, o Palmeiras caiu nas quartas-de-final do Torneio Início, e terminou em 3º lugar no Torneio Aberto Paulista, com 4 vitórias, 1 empate e 5 derrotas, garantindo classificação inédita para o Torneio Aberto Brasileiro da 1ª Divisão do ano seguinte. Na Taça São Paulo, o Palmeiras terminou com o 4º lugar, com 6 vitórias, 1 empate e 5 derrotas e, no Torneio Aberto Paulista de Aspirantes, a equipe B palmeirense terminou em 3º. No Sevens do SPAC, a equipe principal adulta caiu nas oitavas-de-final. Já as equipes B e C caíram nas rodadas preliminares. Na categoria juvnil, o Palmeiras terminou em 2º lugar no Campeonato Paulista Juvenil de Clubes, em 5º lugar no Torneio Aberto Paulista Juvenil, e caiu nas quartas-de-final do Sevens do SPAC.

O último ano de atividade do rúgbi palmeirense foi 1983. No começo do ano, o Palmeiras terminou em 3º lugar na Copa "Itaú" de Rugby, com 1 vitória. No Torneio Aberto Paulista, o time terminou em 6º (último) lugar, sem vitórias. A equipe B também terminou em último lugar no Torneio Aberto Paulista de Aspirantes. A má campanha se repetiu no Torneio Aberto Brasileiro, terminando em 5º e último lugar. O juvenis, no entanto, foram melhores, com a equipe sagrando-se campeão do Campeonato Paulista Juvenil de Clubes e terminando em 3º lugar no Torneio Aberto Paulista Juvenil. No Sevens do SPAC, apenas a equipe juvenil participou, caindo nas oitavas-de-final.


Principais Conquistas

Equipe Adulta

  • Torneio Internacional de Rugby de La Cachila-URU (1981): Vice-campeão
  • Torneio Aberto Brasileiro (1983): 5º lugar
  • Torneio Aberto Paulista (1980): 5º lugar
  • Torneio Aberto Paulista (1981): 4º lugar
  • Torneio Aberto Paulista (1982): 3º lugar
  • Torneio Aberto Paulista (1983): 6º lugar
  • Taça São Paulo (1980): Vice-campeão
  • Taça São Paulo (1981): Vice-campeão
  • Taça São Paulo (1982): 4º lugar
  • I Copa "Itaú" de Rugby (1981): 3º lugar
  • II Copa "Itaú" de Rugby (1982): Campeão
  • III Copa "Itaú" de Rugby (1983): 3º lugar
  • Torneio Início (1982): 4ªs de final
  • Torneio de Sevens do SPAC (1980): semifinais
  • Torneio de Sevens do SPAC (1981): 4ªs de final
  • Torneio de Sevens do SPAC (1982): 8ªs de final


Equipe Juvenil

  • Torneio Aberto Paulista Juvenil (1982): 5º lugar
  • Torneio Aberto Paulista Juvenil (1983): 3º lugar
  • Campeonato Paulista Juvenil de Clubes (1982): Vice-campeão
  • Campeonato Paulista Juvenil de Clubes (1983): Campeão
  • Campeonato Paulista Colegial (1981): 4º lugar
  • Torneio de Sevens do SPAC (1981): 1ª rodada
  • Torneio de Sevens do SPAC (1982): 4ªs de final
  • Torneio de Sevens do SPAC (1983): 8ªs de final


Colaboração

Ferramentas pessoais