Fonte Nova

De Porcopedia - A Enciclopedia do Palmeiras

Fonte Nova
Fonte Novaa
Informações Gerais
Nome Estádio Octávio Mangabeira
Local Salvador, BA
Construção 1951
Inauguração 28 de janeiro de 1951
Remodelação
Expandido
Proprietário Governo do Estado da Bahia
Extensão 110m x 75m
Gramado Grama natural
Números
Capacidade 80.000
Público Recorde 110.438
Bahia 2 x 1 Fluminense
Primeira Partida Botafogo-BA 1x1 Guarany-BA
Primeiro gol Antônio (Botafogo-BA)

O Estádio Octávio Mangabeira, mais conhecido como Fonte Nova, é um estádio de futebol da cidade de Salvador (Bahia), de propriedade do governo do estado da Bahia e que era utilizado pelos principais clubes do estado. Sua capacidade era de um pouco mais que 80.000 pessoas até seu fechamento devido ao desabamento de parte de sua arquibancada superior.

Tabela de conteúdo

História

Vista aérea

O estádio foi inaugurado em 28 de janeiro de 1951 com a partida entre o Botafogo de Salvador e o Guarany-BA, que terminou com a vitória de 1 a 0 para o Botafogo. O primeiro gol no estádio foi marcado por Antônio do Botafogo. Esse jogo fez parte do Torneio Octávio Mangabeira, organizado para inaugurar e promover o novo estádio, que mais tarde, foi vencido pelo Bahia.

Um dos maiores eventos não esportivos ocorridos no estádio foi a comemoração dos dez anos da carreira de Ivete Sangalo em 21 de dezembro de 2003. O espetáculo teve a participação de diversos artistas e recebeu cerca de 80.000 pessoas.

Vista interna

O recorde de público (oficial) é de 110.438 pessoas, no jogo Bahia 2 a 1 no Fluminense, válido pela semifinal do Campeonato Brasileiro de 1988, vencido pelo Esporte Clube Bahia.

Entretanto, também é dito que 120.000 pessoas estiveram neste estádio no dia 4 de março de 1971, numa rodada dupla entre Bahia x Flamengo e Vitória x Grêmio, mas não há registros. Era o dia da reinauguração da Fonte Nova, após obras de ampliação. Porém, o público pagante oficial divulgado dois dias depois foi de 94.972 pessoas.

O grande jogo da Fonte Nova é o clássico Ba-Vi, com mais de 300 edições neste estádio, regularmente levando grandes públicos e onde o Bahia construiu a sua vantagem história na estatística deste grande clássico do futebol brasileiro.



Tragédia

Buraco no dia do acidente

O desabamento da arquibancada da Fonte Nova ocorreu na tarde do dia 25 de novembro durante o jogo válido pelo Campeonato Brasileiro de Futebol Série C de 2007, entre Bahia e Vila Nova. Aos quarenta e três minutos do segundo tempo, parte da arquibancada do anel superior do estádio cedeu, matando sete pessoas.

Recentemente, o engenheiro Vicente Castro ressaltou que a opção mais viável para o estádio era sua implosão. No dia 27 de novembro de 2007 o governador da Bahia, Jaques Wagner, anunciou que o estádio será reformado, nos padrões recomendados pela FIFA para poder abrigar jogos da Copa do Mundo FIFA de 2014 no Brasil. Será construído no mesmo local onde hoje se localiza o Estádio Octávio Mangabeira.

Esta foi a segunda maior tragédia futebolística brasileira que se tem registro, ficando atrás somente do desastre no Albertão (Piauí), em 1973, onde 7 pessoas morreram e mais de 300 ficaram feridas, segundo números oficiais. Meses antes, um estudo feito por engenheiros dava o Estádio Octávio Mangabeira como o pior do Brasil.


Estatísticas

Todos os jogos e números do Palmeiras no estádio Fonte Nova.

Total:

Estádio Jogos Vitórias Empates Derrotas Gols Feitos Gols Sofridos Saldo de Vitórias
Fonte Nova


Jogos contra o Bahia:

Confronto Jogos Vitórias Empates Derrotas Gols Feitos Gols Sofridos Saldo de Vitórias
Palmeiras x Bahia 22 8 10 4 27 19 +4
  • 2017 - Bahia 2 x 4 Palmeiras - Campeonato Brasileiro (18/06/2017) Gol Roger Guedes, Keno, Yerry Mina, Willian • Kayke
  • 2014 - 1x0 - Campeonato Brasileiro (02/11/2014) Gol Mazinho
  • 2000 - 2x1 - Campeonato Brasileiro (12/11/2000) Gol Juninho, Tuta
  • 1997 - 2x2 - Torneio Maria Quitéria (01/07/1997) Gol Roque Júnior, Marquinhos
  • 1996 - 0x0 - Campeonato Brasileiro (10/08/1996)
  • 1994 - 2x1 - Campeonato Brasileiro (30/11/1994) Gol Roberto Carlos, Maurílio
  • 1994 - 1x1 - Campeonato Brasileiro (15/10/1994) Gol Roberto Carlos
  • 1992 - 1x0 - Campeonato Brasileiro (18/04/1992) Gol Betinho
  • 1991 - 2x1 - Campeonato Brasileiro (07/04/1991) Gol Jorginho, Ranielli
  • 1988 - 0x1 - Campeonato Brasileiro (30/10/1988)
  • 1987 - 0x2 - Campeonato Brasileiro (01/02/1987)
  • 1985 - 0x1 - Campeonato Brasileiro (27/01/1985)
  • 1984 - 0x0 - Torneio Heleno Nunes (06/05/1984)
  • 1983 - 0x0 - Campeonato Brasileiro (23/01/1983)
  • 1978 - 1x1 - Campeonato Brasileiro (30/07/1978) Gol Toninho
  • 1974 - 0x0 - Campeonato Brasileiro (16/01/1974)
  • 1969 - 0x2 - Roberto Gomes Pedrosa (28/09/1969)
  • 1968 - Bahia 0x2 Palmeiras - Roberto Gomes Pedrosa (02/10/1968) Gol Ademir da Guia, Copeu
  • 1965 - 1x1 - Amistoso (05/08/1965) Gol Germano
  • 1963 - 5x0 - Amistoso (24/04/1963) Gol Tupãzinho (3), Nilo, Gildo
  • 1963 - 1x1 - Amistoso (21/04/1963) Gol Alencar


Jogos contra o Vitória:

Confronto Jogos Vitórias Empates Derrotas Gols Feitos Gols Sofridos Saldo de Vitórias
Palmeiras x Vitória 6 4 1 1 11 6 +3
  • 1999 - 2x2 - Copa do Brasil, 8ªs de final (09/04/1999) Gol Júnior Baiano, Evair
  • 1993 - 1x0 - Campeonato Brasileiro, Final (12/12/1993) Gol Edílson
  • 1993 - 1x2 - Copa do Brasil, 8ªs de final (13/04/1993) Gol Edílson
  • 1990 - 2x1 - Campeonato Brasileiro (13/10/1990) Gol Toninho Cecílio, Marcelo
  • 1973 - 2x1 - Campeonato Brasileiro (04/10/1973) Gol Leivinha, Pio
  • 1972 - 3x0 - Campeonato Brasileiro (14/09/1972) Gol Fedato, Ronaldo, Edu Bala


Jogos contra o Corinthians:

  • 1998 - 1x1 - Torneio Maria Quitéria (16/07/1998) Gol Paulo Nunes


Jogos contra o Flamengo:

  • 1997 - 0x0 - Torneio Maria Quitéria, Final (03/07/1997)


Artilheiros

Gols
Artilheiro(s)
3 Tupãzinho
2 Edílson
Roberto Carlos


Localização e vias de acesso

Endereço: Ladeira da Fonte das Pedras, s/nº
Bairro: Nazaré
Cidade: Salvador - BA

<googlemap version="0.9" lat="-12.978611" lon="-38.504167" zoom="17"> -14.179186, -50.449219, Fonte Nova Estádio do Governo da Bahia. </googlemap>

Ferramentas pessoais